Uma palavra-chave head tail é um termo de busca amplo, a expressão mais resumida possível para responder a uma pergunta. Saiba por que e quando utilizá-la na sua estratégia de marketing digital!

Quando usar uma palavra-chave head tail para construir seu conteúdo? Existem muitas dúvidas a respeito desse assunto. Afinal, da mesma forma que alguns estrategistas se encantam com o grande volume de buscas que elas proporcionam, outros morrem de medo da concorrência acirrada que elas podem representar.

Mas afinal é possível rankear bem no Google usando head tails? Entenda as características, vantagens e desvantagens desses termos e saiba como usá-los em sua estratégia!

Entenda o que são palavras-chave head tail

Uma palavra-chave head tail é um termo de busca extremamente abrangente, a forma mais curta de definir um determinado assunto. De certa maneira, ela representa a "cabeça" de um assunto, um tema amplo, uma área bem extensa.

Para que você tenha uma ideia melhor, vamos dar um exemplo: a palavra pós-graduação. Perceba que se trata de um tema muito genérico, que pode englobar diversos outros assuntos relacionados a ele. Portanto, pós-graduação seria uma palavra-chave head tail.

Em uma estratégia de marketing, dificilmente se usa apenas a head tail. É natural que usemos outras palavras derivadas dela, muito mais específicas. Assim, voltando ao exemplo, poderíamos falar também de pós-graduação presencial, pós-graduação a distância, pós-graduação intensiva, pós-graduação na carreira, entre outras possibilidades. Essas outras palavras são chamadas de long tails, ou palavras de cauda longa.

Saiba por que usar head tails

As head tails têm um alto volume de busca, ou seja, um grande de número de pessoas digita essas palavrinhas ali na caixa de pesquisa. Por isso, elas têm um lugar garantido nas estratégias de marketing digital.

Usar head tails é importante principalmente para a empresa trabalhar temáticas de topo de funil. Nesse estágio, o usuário de internet ainda não tem consciência plena de seu problema e nem conhece a solução. Então, é natural que ele faça uma busca um pouco mais genérica.

Por exemplo, vamos supor que sua empresa trabalhe com "gamificação corporativa para treinamentos e processos seletivos", que é uma palavra-chave long tail. Esse é um assunto bem específico, concorda? Possivelmente, a maioria das pessoas nem sabe que esse tipo de serviço existe. Portanto, elas não teriam como fazer uma pesquisa desse tipo.

Então, a estratégia desse negócio não pode começar com essa palavra-chave específica. Ela precisa usar head tails para atrair seu público. Funciona como uma isca: você usa os termos que sua persona busca para atraí-la a um conteúdo genérico e apresentar gradualmente conceitos mais profundos.

Descubra como ter um bom rankeamento com head tails

Porém, existe um certo receio em usar head tails. Elas realmente têm um alto volume de buscas, mas por outro lado são palavras-chave bastante concorridas. Por esse motivo, muitos acreditam que é difícil conseguir um bom rankeamento e desistem delas.

Mas nós vamos mostrar como você pode vencer esse desafio! Anote as dicas que selecionamos e tenha sucesso na sua estratégia!

Preste atenção às personas

Em primeiro lugar, você precisa conhecer o comportamento do seu público-alvo na rede. Descubra termos que eles geralmente procuram e que podem ser relacionados à sua empresa ou conteúdo.

Voltando ao exemplo da empresa de gamificação, vamos pensar na possível persona desse negócio: geralmente, eles são diretores ou gerentes de RH. Logo, o que essas pessoas buscam na internet são temas como "produtividade", "treinamentos", "engajamento", redução de turnover" e assim por diante.

Diversifique o formato dos conteúdos

Pode não ser tão fácil ranquear um texto para uma head tail. Porém, já pensou que pode existir muito menos conteúdo em outros formatos e que essa é a sua chance de se destacar? Se você fizer um vídeo de qualidade sobre esse assunto e otimizá-lo para SEO, é mais provável que ele apareça entre os primeiros resultados.

Pesquise os concorrentes

Uma alternativa interessante é pesquisar o conteúdo que seus concorrentes produzem. Lá você encontrará temas com potencial para chamar a atenção do seu público-alvo e que seu negócio também pode utilizar como head tails para atrair internautas.

E aí, você conhece muita gente que tem medo de usar as palavras-chave head tail em sua estratégia de marketing? Que tal mostrar este post para que eles vejam como esses termos são poderosos para atrair visitantes para o site? Compartilhe-o agora mesmo em suas redes sociais!