SEO é a otimização de sites, blogs e páginas da web com foco no posicionamento em pesquisas nos mecanismos de busca. Na prática, significa implementar técnicas e melhorias para que um conteúdo apareça entre os primeiros resultados do Google, por exemplo. E, na hora de cumprir essa missão, boas ferramentas de SEO fazem toda a diferença.

As ferramentas permitem que as empresas desenvolvam estratégias consistentes para os 3 tipos de busca existentes. A primeira delas, a busca navegacional, é uma pesquisa de atalho. Ocorre quando o usuário já sabe qual site quer acessar, mas por não lembrar da URL (ou até por preguiça de digitar), prefere buscar no Google.

O segundo tipo de pesquisa é a informacional, que acontece quando a pessoa procura informações sobre um assunto, seja por meio de artigos, vídeos, notícias ou mesmo releases de produto. Por fim, a busca transacional é aquela na qual o usuário já deseja comprar um produto ou serviço e está procurando a mercadoria ou comparando preços.

Agora que você já entendeu o que é Search Engine Optimization e conheceu os 3 tipos de busca existentes, é hora de conhecer as ferramentas de SEO marketing que permitem aproveitar essas diferentes oportunidades. Continue acompanhando!

1. Keyword Planner

O Keyword Planner, também conhecido como planejador de palavras-chave, é um recurso que faz parte do Google AdWords, a plataforma de publicidade da maior rede de buscas do mundo. Por meio dele, você pode encontrar ideias de novas palavras-chave, além de conferir o volume de pesquisas médias mensais que cada termo recebe.

Para utilizar, acesse o Google Ads, faça seu cadastro caso ainda não o tenha e clique em "Ferramentas". Em seguida, selecione o planejador de palavras-chave. Apesar de fazer parte da estrutura de anúncios do Google, o Keyword Planner é uma ferramenta de SEO gratuita. Então, aproveite e use as informações disponíveis para planejar sua estratégia de otimização de sites, criando conteúdos ricos para os termos que despertam o interesse do público.

2. Keywordtool.io

O Keywordtool.io é outra ferramenta de SEO excelente para quando você está procurando as melhores palavras-chave. Um dos pontos fortes é que permite encontrar variações de determinado termo, sendo um dos melhores recursos disponíveis para esse tipo de tarefa.

Depois de inserir a expressão desejada, você pode selecionar o idioma e o mecanismo de busca que deseja analisar (por exemplo, o Bing em inglês ou o Google em português). O Keywordtool.io exibe uma pesquisa bem detalhada, incluindo até as palavras-chave long tail.

Enquanto a versão gratuita da ferramenta não mostra os volumes de busca, o modelo pago conta com diversas informações extras — o que é de praxe nas plataformas e aplicativos do segmento.

3. SEMrush

Apesar de ser um serviço pago, o SEMrush é o tipo de plataforma na qual vale a pena investir. Trata-se de uma ferramenta de SEO extremamente completa, do tipo "tudo em um". Ou seja, permite fazer uma análise completa de palavras-chave (incluindo termos relacionados e variações), além de acompanhar a concorrência.

A quantidade e a qualidade dos dados fornecidos aos usuários impressiona. Após pesquisar pelo termo que deseja, o relatório inclui itens como: número de resultados, volume de pesquisa mensal, variações da palavra-chave com relatório completo a parte, keywords relacionadas também com relatório completo, gráfico de tendência de crescimento ou queda nos volumes de busca, variações de AdWords para a keywords, além de uma lista com os 20 primeiros colocados no Google para o termo pesquisado. Tudo isso faz do SEMrush uma das ferramentas preferidas de quem trabalha com otimização de sites.

Para quem não quer investir sem testar antes, existe a possibilidade de se cadastrar para fazer 10 pesquisas gratuitas. Assim, você já aproveita para se familiarizar com essa ferramenta de Search Engine Optimization.

4. Google Search Console

O Google Search Console (antigo Webmaster Tools) é praticamente um pré-requisito para qualquer site que queira desenvolver um trabalho sério de SEO. Essa ferramenta auxilia em diversos pontos importantes da otimização. Um deles é a possibilidade de ativar o sitemap, ou mapa do site, um item fundamental para que os robôs do Google encontrem suas páginas com maior rapidez, facilitando o ranqueamento.

Além disso, o Google Search Console faz um papel de intermediação entre os buscadores e o analista de SEO responsável pelo site, notificando você ou o membro da equipe sempre que houver uma penalidade ou aviso importante. Outros pontos positivos são o fato de que a ferramenta é gratuita e que trabalha muito bem em conjunto com o Google Analytics.

5. Screamingfrog

O Screamingfrog é uma ferramenta de SEO extremamente completa para otimizações on-page, isto é, aquelas que são feitas no seu próprio site (que não incluem a obtenção de links externos).

Com essa plataforma, você pode visualizar possibilidades de otimizações em URLs, otimizar imagens, avaliar conteúdos, analisar links internos e externos, simular a snippet do Google, encontrar erros de rastreamento (como o 404), entre várias outras funções. Enquanto a versão gratuita da ferramenta tem algumas limitações, a versão paga traz acesso a todos os recursos.

6. Magesticseo

Ao contrário das ferramentas de SEO anteriores, a Majestic SEO foca em off-page. Com ela, você pode inserir uma URL e ter acesso a relatórios detalhados de backlinks e palavras-chave de um site. A plataforma mostra o número de links externos, quais são eles e sua qualidade (por meio de métricas que a própria Majestic criou).

Sendo assim, é uma ferramenta bastante indicada para link building, atuando na construção de autoridade para o seu site. Outras funcionalidades incluem comparações de URLs, histórico de links e visualização do texto âncora de cada linkagem.

7. Ahrefs

Queridinha de muitos mestres do SEO, como Neil Patel, a ferramenta Ahrefs apresenta funcionalidades semelhantes às da Majestic SEO, já que também tem seu foco no off-page e link building.

No entanto, elas se diferenciam pelo banco de dados. Muita gente acha que o conjunto de informações da Ahrefs é mais completo, enquanto algumas pessoas afirmam o contrário. Cabe a cada profissional tirar suas próprias conclusões — apesar de que a Ahrefs não disponibiliza uma versão gratuita para testes.

8. Yoast

Ao contrário das opções anteriores, que estão disponíveis por sites e aplicativos, o Yoast é um plug-in de WordPress. Isso significa que você pode simplesmente instalá-lo no seu site e, a partir daí, será possível visualizar opções de otimização para todas as suas páginas.

Por se tratar de uma ferramenta de SEO gratuita (que também conta com versão paga) e de alta qualidade, o Yoast é utilizado pela grande maioria dos produtores de conteúdo, blogueiros e profissionais da área.

Entre várias funções, o plug-in permite configurar meta description e meta title, verificar se o texto está otimizado para determinada palavra-chave e otimizar links internos. É uma verdadeira mão na roda, auxiliando a criar conteúdos já otimizados desde o início.

Como você viu, o que não falta são ferramentas de SEO para impulsionar sua estratégia. Várias delas são gratuitas, enquanto outras são consideradas boas oportunidades de investimento para empresas que desejam aumentar sua presença na web, atrair mais clientes e expandir as vendas. Agora só falta testar as plataformas que listamos aqui e inclui-las no seu dia a dia de trabalho.

Por fim, se você gostou deste conteúdo sobre ferramentas de SEO, compartilhe nas suas redes sociais!